Marketing De Sinceridade: A Nova Técnica De Copy Que Gerou 30% De Conversão Em Um Único Vídeo!


Que palavras vendem, disso ninguém duvida mais.

Mas sabe o que vende mais do que palavras? PALAVRAS SINCERAS.

Neste texto, eu vou te ensinar como vender qualquer coisa na internet utilizando sinceridade.

Você tem um produto digital? A sinceridade irá vendê-lo para você.

Você tem um produto físico? A  sinceridade irá vendê-lo para você.

Você é afiliado de algum produto? A sinceridade irá vendê-lo para você.

Você pretende iniciar um negócio/empresa do zero ou crescer a sua? A sinceridade irá fazer isso para você.

marketing de sinceridade


Sei que pode soar meio esquisito tudo isso que estou falando, mas nas próximas linhas começará a fazer sentido, se você acompanhar o seguinte raciocínio...

Já faz um tempo que tenho notado o mercado começando uma era de pilantras e enganadores, mas, principalmente, uma era de marqueteiros.

Marqueteiros são "profissionais" que se preocupam em mostrar um produto milagroso, mas que não entregam o que prometem, ou sejam, mentem, mascaram a imagem de um produto para ele parecer melhor do que realmente é.

Se você tem um produto bom, basta falar sinceramente sobre ele para as pessoas certas, de forma genuína, seguindo uma estrutura comunicativa, que ele se venderá.

Sim, é necessário falar DO JEITO CERTO, com as técnicas certas de copywriting, mas o copy mais forte é a sinceridade (e pouca gente tá usando isso de forma genuína).

Se um possível cliente olhar para você, para seu produto e para sua comunicação e compreender que você é sincero, ele compra (desde que o produto seja bom e a comunicação tenha atingido o público-alvo).

Deixa eu te mostrar uma coisinha:

"Como Escrever Textos Persuasivos Que Chamam AtençãoGeram Interesse e Despertam No Leitor O Desejo De Comprar!!"


Sabe essa chamada aí acima? Eu que escrevi.

Você pode encontrá-la melhor neste link de venda, que é o link do ÚNICO infoproduto de marketing digital que eu realmente produzi e se chama Artigos de Conversão Na Prática. 

Eu quero falar um pouco sobre essa chamada, porque eu quebrei cabeça até chegar nela.

O vídeo de vendas que criei para esta chamada deu muito resultado, uma taxa de conversão de 30%, se não me engano!

A cada 10 pessoas que veem essa chamada e assistem este vídeo, 3 compram. Uma taxa de conversão absurda, concorda? Uma vez que a taxa média do mercado é 1%.

Mas sabe o que é engraçado? Divulguei pouco este produto, quase nada, apenas em um vídeo lá no canal e nem divulgo mais, porque tenho andado ocupado com outras coisas, o canal está parado. Mas é engraçado ver que às vezes tem 1 acesso por dia de alguém que acha o vídeo por acaso!

E mesmo assim faz vendas. Imagina se eu divulgasse!!!

Mas o que há diferente nesta chamada? Vou te dizer: sinceridade.

Quando eu estava pensando em qual seria a headline do vídeo de vendas, eu imaginei várias coisas.

Quem trabalha com marketing tende a colocar adjetivos para impulsionar o impacto das palavras. Não é incomum usar palavras como: incrível, grandioso, magnífico, etc, etc.

É legal e ainda funciona, mas isso tem sido tão aplicado muitas vezes que começa a soar como mentiroso ou mais alguém querendo ludibriar para vender alguma coisa depois.

Eu ia colocar a seguinte chamada:

"Como Escrever Textos Incríveis Para Convencer Qualquer Um A Comprar"


Não é uma headline ruim, mas soa como mais um vendedor, mais uma headline, mais uma chamada.

E digo mais... Essa chamada faz parecer que eu to prometendo algo surreal, pois é meio difícil convencer qualquer um a comprar alguma coisa. 

Quando você percebe de maneira forte que há uma clara tentativa de pilantragem, então uma barreira se cria na sua mente para comprar qualquer coisa de quem quer que seja.

Ao invés de usar recursos adjetivos de enaltecimento ou engrandecimento, o que eu fiz foi simplesmente ser sincero.

Ora, o que vou ensinar no vídeo? Resposta: como escrever textos persuasivos. 

E o que estes textos fazem? Resposta: chamam atenção e geram interesse em quem lê.

Pra quê mesmo? Resposta: para despertar o desejo de comprar do leitor.

Percebe? Não fiz nada demais na headline, apenas eu fui sincero quanto ao que realmente estou me propondo a mostrar no vídeo e a headline ficou assim: "Como Escrever Textos Persuasivos Que Chamam Atenção, Geram Interesse e Despertam No Leitor O Desejo De Comprar!!"

E, mais do que isso, o vídeo de vendas não é uma pura e simples tentativa de vender, ele é, acima de tudo, um conteúdo incrível que não se encontra por aí.

A pessoa pode até não comprar meu produto, mas quando ela assistir todo o vídeo de vendas, ela vai sair de lá com a estrutura completa de um texto persuasivo que ela poderá fazer sozinha.

No vídeo eu mostro todos os 3 passos responsáveis por tornar qualquer texto persuasivo. E, mais do que isso, eu mostro com detalhes e dou exemplos vivos.

Ou seja, eu fui sincero desde a headline e cumpri, no vídeo, a promessa da headline. Não se trata unicamente de um vídeo de vendas, se trata de um conteúdo denso que não está em nenhum outro lugar. 

A coisa é tão séria que o próprio vídeo de vendas poderia ser vendido (e pelo mesmo valor do curso).

Mas claro que eu não mostrei TUDO e deixei um loop aberto bem claro dizendo que se a pessoa quisesse realmente VER EU ESCREVENDO MAIS PROFUNDAMENTE NA PRÁTICA, ela teria que comprar o curso. Pura sinceridade!

Vou abrir um parentese aqui (observou o MAIS PROFUNDAMENTE acima? Um claro adjetivo para engrandecer o impacto de alguma coisa que eu tentei usar agora, mas acho que, sei lá, não ficou muito legal. Eu vou deixar aí só pra você entender como, às vezes, não faz sentido utilizar esse tipo de coisa, pois acaba perdendo a força da sinceridade).

Não é de se espantar que uma chamada e um vídeo tão sincero tivessem um bom resultado. 

Em um mundo online onde pipoca anúncio pra todo lado, muitos deles fantasiosos, as pessoas querem sentir que estão sendo sinceros com elas.

Se você consegue ser sincero e comunicar com clareza do que trata seu produto, listando todos os benefícios e tudo que o produto pode fazer pela pessoa, então a venda é certa.

Quer um exemplo a mais que não seja o meu? Vou te dar:


“Estamos falidos. Este anúncio trará nossos credores aos nossos pescoços. Mas se você vier e comprar amanhã, teremos dinheiro para atendê-los. Se não, iremos para a parede.”

Esse anúncio acima foi feito por John Emory Powers, um dos maiores copywritters de sua época e ajudou a salvar uma empresa de roupas falidas. Depois que este anúncio foi divulgado, houve aumento instantâneo nas vendas.

Veja outro anúncio dele para vender gravatas:

“Elas não são tão boas quanto parecem, mas são boas o suficiente — e custam apenas 25 centavos.”

Pura sinceridade! Você não vê palavras adjetivadas para dar impacto nas coisas ou mascarar algo. Você vê pura e simples sinceridade.

É claro que esta sinceridade está comunicada de maneira clara, simples e objetiva. Isso faz muita diferença.

Não é todo mundo que conhece a estrutura para vender alguma coisa através da comunicação. Mas tem gente que até conhece a estrutura, mas não é sincero, fica querendo fantasiar uma ideia que, na realidade, não existe!

A cada dia que passa, mais eu me aprofundo em copy. Estou no curso da Empiricus, que, diga-se de passagem, um dos melhores do mercado, pena que seja caro para a maioria das pessoas comuns comprarem. Não é todo mundo que tem R$ 4 mil sobrando por aí para investir, mas que vale cada centavo, isso vale.

A questão toda é que se você tem um produto ou está divulgando o produto de alguém ou vende qualquer coisa na internet ou fora dela, seja sincero na sua comunicação e use a estrutura correta para isso.

Não sabe que estrutura é essa? Ora, assista ao vídeo de vendas do meu curso que vai entender melhor. Nele eu vou tentar te vender meu curso, é claro, mas você pode ignorar a parte da venda e ficar só com a parte do conteúdo. Pelo menos eu fui sincero! :)

Grande abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages