Como eu Comecei no Marketing Digital Até Vender Um Produto de 67 Mil Reais


Olá,

Aqui é o Alan...

Se você está me acompanhando neste blog, já deve ter noção de que eu não gosto de falar coisas genéricas que todo mundo fala. É por esta razão que eu sempre coloco aqui minhas experiências.

Ao invés de escrever um artigo com o título "como começar do zero no marketing digital" ou "como montar um negócio online do zero", eu prefiro te mostrar como eu fiz, desde a primeira vez que tive a ideia de trabalhar na internet, até eu alcançar o ápice de uma transação online, que foi quando eu fiz uma venda de 67 mil reais.

Talvez este artigo fique um pouco longo, mas a experiência adquirida aqui vai valer a pena, eu posso te garantir.

E aí? Vamos começar? Vamos nessa...


Meu primeiro contato com marketing digital (2008)

A primeira vez que ouvi falar que dava para ganhar dinheiro com a internet, foi quando eu estava terminando meu ensino médio em 2008.

Um amigo meu criou um site e me disse que dava para ganhar dinheiro colocando anúncios. Eu não entendi muito bem do que se tratava, mas achei interessante.

Abaixo segue a foto deste meu amigo, é o da direta, de blusa rosa. O de azul também é meu amigo, mas não acrescenta nesta história em particular. (hehe). Infelizmente faz tanto tempo que não vejo o Adriano, que nem tenho fotos nossa para postar aqui.



Um belo dia a gente estava saindo de um evento de negócios do nosso curso e ele me deu um pouco mais de detalhes.

Ele disse que ganhava alguns centavos toda vez que alguém clicava. Me disse que tinha recebido um cheque de U$ 230,00 dólares do Google por conta dos anúncios que ele deixava rolar no site dele.

Eu achei aquilo fantástico, fiquei com a ideia na cabeça, mas não fiz nada a respeito naquele primeiro momento.

Ele se referia ao Google Adsense.

Minha experiência com Google Adsense (2009)


Um tempo depois, eu resolvi criar meu próprio site. Eu já havia me formado no ensino médio integrado ao técnico, isso significa que eu fiz o ensino médio ao mesmo tempo que me formava em uma área técnica.

No meu caso, a área era Informática. Então não foi difícil aprender a criar meus primeiros sites. Hoje em dia já tem quase tudo pronto, não se faz necessário conhecimentos avançados na área de TI, basta saber o básico e um site já entra no ar.

Mas naquela época eu tive que estudar dreamweaver, HTML, PHP, e mais uma série de coisas para botar um site online.

Meu primeiro site foi um site de classificados online, tipo OLX hoje, mas bem mais simples na época. Nunca teve acesso algum de ninguém, mas eu colocava os links do adsense lá.

Você vai achar engraçado o que vou falar agora, mas é que na época eu não entendia nada do assunto.

Eu montei o site, coloquei os anúncios do adsense e a única coisa que eu sabia era que eu não poderia clicar nos meus próprios links.

Então eu, na minha ignorância, pensei comigo: como eles vão saber que eu cliquei? Ora, pelo meu computador. Então, se eu não clicar do meu PC, eles não vão saber.

Foi aí que eu tive a "brilhante" (rsrsrs) ideia de ir nas lanhouses de perto de casa e da região clicar nos links.

Eu ia numa lanhouse, pagava 5 minutos de acesso, entrava no meu site, clicava em todos os anúncios e saia do PC.

Na mesma lanhouse eu ficava pulando de computador em computador, sempre abrindo o site e clicando em todos os anúncios.

Aí depois eu saía da Lanhouse e ia para outra Lanhouse repetir o mesmo procedimento, e assim eu ficava horas e horas do meu dia tentando "ganhar dinheiro na internet" (heheheheh).

Não demorou muito eu só recebi uma mensagem do Google dizendo: "Sua conta de anúncios foi bloqueada. Motivo: cliques suspeitos".

E lá se foi embora minha primeira tentativa de ganhar dinheiro online.

Mas não desisti..

Então, ainda em 2009, comecei um novo site...

Meu primeiro site para vender infoprodutos (2009)

Nessa época não existia Hotmart (não que eu me recorde), nem Monetizze, nem qualquer outra empresa parecida no ramo aqui no Brasil. Eu não tinha como me afiliar para tentar vender o bendito produto.

Então comecei a baixar um monte de apostilas de graça da internet e upava de volta num outro site que eu havia criado, uma loja virtual para vender apostilas digitais.

Eu fazia a arte, usava o pagseguro para receber os pagamentos e torcia para ver se tinha algum acesso.

Se alguém comprasse, eu ia anexar a apostila por email e enviar para a pessoa.

Me pergunta se vendi alguma coisa? Nada.

Nunca ganhei 1 centavo com o bendito site de vendas de apostilas digitais.

Comecei a pensar que essa coisa de ganhar dinheiro na internet não era para mim, até que descobri que tinha uns sites que, se a gente ficasse vendo propagandas e indicasse outras pessoas para ver, a gente ganhava em euro.

Não deu outra, advinha o que eu fiz?

O dia todo salas de bate-papo da UOL (2009)

bate papo uol

Todo dia eu ia para Lanhouse novamente, pagava horas e horas e ficava chamando todo mundo das salas de bate-papo da UOL para entrar no "negócio" da China que eu tinha "descoberto".

Ficava convidando todo mundo: "Ei? Quer ganhar dinheiro na internet? Fale comigo que vou te ensinar..."

Eu era um verdadeiro SPAMMER das salas de bate-papo. Ninguém fez tanto spam na vida quanto eu nessa época.

Eu até conseguia angariar um ou outro, mas eu ganhava tão pouco por indicação, que nem valia a pena, mas eu continuava tentando.

Infelizmente não resultou em nada, eu cansei mais uma vez de ficar gastando tempo e dinheiro nas lanhouses da vida, foi aí que eu desisti do marketing digital em 2009.

Um tempo fora 

Neste período que eu meio que tinha desistido de tentar ganhar dinheiro na web, eu fiz de tudo:

  • Aulas de informática para idosos;
  • Mensagens de amor para namorados;
  • Cantor de uma banda;
  • Venda de cd-rom pirata;
  • Instrutor de dança de salão;
  • Manutenção de computadores;
  • Dono de uma loja de roupas usadas;
  • etc, etc;
Fali todos os meus negócios físicos. Foi aí que em outubro de 2011 eu decidi que ia tentar de novo ganhar dinheiro com marketing digital.

Eu tinha uma série de apostilas da igreja que davam dicas sobre relacionamentos. Pensei eu comigo mesmo: "vou pegar essas apostilas e criar um blog de dicas para a vida sentimental". 

Meu objetivo era ter muitos acessos e finalmente ganhar dinheiro com o Google Adsense.

O meu primeiro blog de verdade (2011)


Nascia então o blog sobrerelacionamento.com. 

Criei ele na plataforma Blogger, posteriormente comprei um domínio próprio e passei a escrever diariamente dicas de relacionamentos.

Eu não entendia nada de como ranquear sites no Google e nem de como vender na internet usando blog, mas o blog foi se tornando cada vez mais acessado.

100, 200, 500, 1000, 3 mil visitas diárias... Eu não ganhava quase nada com Adsense e nem conseguia vender nada no blog, mesmo com 3 mil visitas por dia.

Entenda uma coisa: para ganhar dinheiro de verdade com Adsense, primeiro você precisa de muitos, muitos, muitos, milhares, milhões de acesso, coisa que não se consegue fácil. E para ganhar dinheiro indicando infoprodutos, você não precisa de muitas visitas, mas você precisa de boa copy e boa estrutura de direcionamento dentro do blog. 

Bom, eu não tinha muitos acessos para ganhar dinheiro com Adsense e nem sabia copywriting e nem estruturar direcionamento de leitor dentro do meu blog, então eu continuava ganhando quase nada, mesmo com um blog de 3 mil acessos por dia. 

Foi aí então que conheci o ebook do Anderson Chipak, blog demolidor e fiz o curso dele. 

Eu entendi então como estruturar um blog. No primeiro dia, eu fiz uma simples modificação no meu site: parei de enviar os leitores direto para a página de vendas do produto. Comecei a enviá-los primeiro para uma landing page dentro do próprio site, onde eu explicar um pouco mais sobre o produto.

E de lá desta landing page eu enviara para a página de vendas.

Pasme!!! Em 2 horas eu já fiz a minha primeira vendas...

Pensei até ser sorte, mas depois apareceu outra venda.. 

Então eu, que não faturava quase nada com aquele site, comecei a ganhar 3 mil reais por mês com pequenas modificações.

Se quiser saber mais sobre esta estratégia com blogs, pode ler nosso artigo onde eu explico como estruturar um blog para vender.

Observação:

- Infelizmente o curso do Anderson Chipak não é mais vendido, mas você pode fazer o FNO, que vai te ajudar (link de afiliado) a ter o mesmo resultado. A diferença é que o FNO foca em muitas estratégias de vendas, então você pode acabar se perdendo querendo aplicar tudo. Mas se você fizer o FNO e focar apenas nas estratégias de blogs e minisites que é ensinado por lá, tenho certeza que vai ter ótimos resultados.


A experiência que eu adquiri

Eu passei muito tempo trabalhando com blogs, já criei vários dos mais variados tipos. E já fiz muitos cursos, muitos mesmo, já até perdi a conta. Muitos sofram só dinheiro jogado fora, outros valeram cada centavo. E outros eu recebi acesso de produtores gratuitamente para que eu pudesse avaliar o conteúdo, então acabei aproveitando para estudar também o que havia lá.

Já estou há 7 anos no mercado atuando exaustivamente, principalmente com blogs e canais no youtube.

Então em 2016 eu tomei uma atitude inesperada: vou vender meu blog sobrerelacionamento.com.


A venda do blog (2016)

como ganhar dinheiro na internet

Eu queria fazer um investimento que custava muito sacrifício, eu precisava de um valor expressivo em mãos rapidamente.

Logo me veio a ideia de vender o blog.

Afinal de contas, se um blog rende milhares de reais por mês, ele pode ser vendido muito mais caro de quanto ele gera mensalmente.

O blog tinha 400 artigos escritos, excelente posicionamento no Google, de 6 a 8 mil visitas diárias, extremamente promissor e gerando lucro.

Foi aí que eu anunciei em um grupo de facebook da área que estava vendendo. Pedi R$ 80 mil reais. E valia cada centavo.

Até que apareceu um comprador.

Conversa vai, conversa vem, negociações, sobre preço, desce preço, ajustes e mais ajustes..

Finalmente batemos o martelo e ficou negociado R$ 67 mil reais. O dinheiro foi transferido para a minha conta, após assinar acordo. E ambos ficamos felizes.

Hoje eu já tenho outro blog, também na área de relacionamentos, que está crescendo a cada dia mais e aumentando em faturamento. Hoje eu também tenho produtos digitais próprios. Estamos prosperando!

Eu demorei algum tempo até conseguir sair do zero e ganhar dinheiro com marketing digital, mas de tanto persistir, estudar, investir, etc, eu consegui.

Uma lição para você

Talvez você esteja aí, tentando aprender como se faz para iniciar um negócio online do zero, mas até agora só tem batido na porta, mas nunca entrado de vez.

Saiba que se desistir agora, você nunca vai conseguir.

O caminho não é fácil, isso é normal. Você vai ter que tombar muito, até conseguir levantar e não cair mais. A vida é assim, então por que seria diferente com marketing digital?

Mas continue tentando, não tenha medo, invista em você.

Eu mesmo relutei muito até comprar meu primeiro curso, que foi o curso de como ganhar dinheiro no youtube, do Micheal de Oliveira.

Mas no primeiro mês que comprei o curso, já fiz uma venda de 200 reais de comissão, só com o que aprendi lá.

Cara, é assim mesmo! Se a gente quer ganhar, às vezes também temos que investir. E o melhor investimento que você faz é em conhecimento, não tem outra. Aprenda o que as pessoas já fazem e então você ganhará atalhos para não se perder no meio do caminho e ganhar dinheiro mais rápido.

Se você me pedisse uma única indicação, eu te indicaria o FNO (Fórmula Negócio Online), que é ideal para quem está começando.

Mas correndo o risco de você perder o foco nas mais variadas estratégias que existem lá, um bom curso também, que vai te ensinar a começar e ter resultados logo, principalmente com tráfego grátis, utilizando blogs e outros, é o Afiliado Orgânico.

Basicamente, o curso afiliado orgânico ensina a fazer tudo que eu mesmo já faço para ganhar dinheiro online.

O que eu queria mesmo era te indicar o curso do Anderson Chipak, mas este não existe mais, então fique com o segundo melhor: Afiliado orgânico.

Deixe um comentário, eu gostaria de saber seu feedback sobre o que acabou de ler.

Até mais.. :)

3 comentários:

Pages